O CD-i sobre as descobertas de arte rupestre no vale do Côa foi realizado entre Março e Junho de 1995, uma época de lutas políticas turbulentas sobre a hipótese de construção da barragem que faria desaparecer o achado arqueológico.
Exigiu-se total autonomia às entidades que encomendaram o projecto, pelo que o disco interactivo apresenta o espólio global das descobertas feitas até à data, sem jamais se imiscuir na polémica pró ou contra a construção da barragem. Tanto quanto se sabe este continua a ser o único documento multimédia consistente sobre a arte rupestre no vale do Côa.

Vídeos seleccionados
Algumas imagens